Fotografia de Casamentos, Gestantes, Books, Aniversários, Festas, Feiras e muito mais…

Musa da natação paralímpica esbanja beleza em ensaio de fotos: ‘Foi ótimo’

Aos 21 anos, nadadora Camille Rodrigues participa de ação para promover o Dia internacional das pessoas com deficiência: ‘Nós somos capazes de qualquer coisa’

 

Por Flávio Dilascio

Rio de Janeiro

 

Musa da natação paralímpica brasileira, a fluminense Camille Rodrigues participou de ensaio fotográfico na última semana, em Niterói (RJ), onde mora e treina atualmente. A intenção da nadadora – que tem a perna direita amputada – era promover o Dia internacional das pessoas com deficiência, comemorado em 3 de dezembro. Feliz em participar da ação, Camille revelou que pretende continuar utilizando a sua imagem em prol da inclusão dos deficientes físicos.

nadadora paralímpica Camille Rodrigues (Foto: Márcio Oliveira/Divulgação)Camille Rodrigues chama a atenção de pedestre durante o ensaio em Niterói (Foto: Márcio Oliveira/Divulgação)

– Foi ótimo, me senti muito bem. Assim como no primeiro ensaio fotográfico que eu fiz, meu intuito era mostrar que o deficiente é capaz de qualquer coisa, como vestir um short mesmo tendo uma perna amputada. Após esse ensaio, muitas pessoas com deficiência me procuraram dizendo que passaram a se sentir melhor com os seus corpos e ter menos vergonha – afirmou Camille.

Confira a galeria de fotos do ensaio de Camille Rodrigues

Autor do ensaio, o fotógrafo Marcio Oliveira contou que conheceu Camille no ano passado, quando foi cobrir um evento em Niterói. Ao deparar-se com a bela morena de 1,65m, o profissional teve a ideia de convidá-la para ser fotografada.

– Vi nela uma nova perspectiva de beleza e, só depois do primeiro ensaio que fizemos, que eu pude me tocar sobre a importância do que estávamos fazendo. As fotos da Camille serviram para quebrar um paradigma e, hoje, pessoas com deficiência me procuram para ser fotografadas – disse Marcio.

Aos 21 anos, Camille nasceu em Santo Antônio de Pádua, interior do Rio. Por conta de uma má formação congênita na perna direita, a atleta teve de amputar o membro ainda pequena. Aos quatro anos de idade, a fluminense conheceu o esporte, quando passou a nadar para paralisar uma atrofia na bacia.

Dona de quatro medalhas Parapan-Americano de Guadalajara, em 2011, Camille participou do Mundial Paralímpico, em agosto deste ano, em Montreal, Canadá. Depois de competir nos 50m e 100m livre e nos 100m costas da categoria S9, a nadadora demonstrou decepção com os seus resultados, pois não conseguiu chegar às finais.

– O ano de 2013 não foi como o esperado, pois tracei algumas metas que não consegui cumprir. Tinha planejado com a minha comissão técnica de chegar ao menos a uma final e não deu. Além disso, eu mesma tinha o objetivo de baixar os meus tempos e não consegui. Vou continuar trabalhando para alcançar o que preciso – destacou.

nadadora paralímpica Camille Rodrigues (Foto: Márcio Oliveira/Divulgação)
Nadadora passará a treinar em São Paulo em 2014 (Foto: Márcio Oliveira/Divulgação)

Atleta do Time Rio, Camille Rodrigues está de mudança para São Paulo. Treinando atualmente na Associação Niteroiense dos Deficientes Físicos (Andef), ela passará a ser comandada pelo técnico Felipe Domingues, treinador de André Brasil, que obteve cinco medalhas em provas individuais em Montreal.

– Treinarei em São Paulo, mas continuarei no Time Rio. O que eu mais quero em 2014 é evoluir na natação paralímpica – finalizou Camille.

 

Fonte: http://globoesporte.globo.com

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s