Fotografia de Casamentos, Gestantes, Books, Aniversários, Festas, Feiras e muito mais…

Coquetel de Lançamento da BMW R1200GS

A BMW lançou nesta quarta-feira (17) a nova geração da R 1200 GS, sua moto mais vendida no mundo, no Brasil. Lançado no Salão de Colônia, na Alemanha, de 2012, o modelo chega, importado da Alemanha, com preços variando de R$ 73.400, versão Sport, a R$ 83.900, na top de linha Premium. De acordo com a empresa, a moto é líder de vendas mundial no segmento das aventureiras, chamado de maxtrail.

Com alterações profundas em seu conjunto, a R 1200 GS tem novo motor que passa a contar com misto de refrigeração líquida e a ar; agora tem 125 cavalos de potência e 12,74 kgfm de torque. A versão anterior tinha 110 cavalos de potência e 12,23 kgfm de torque e sua refrigeração era apenas a ar, com preço a partir de R$ 70.900.

Este aumento de potência leva a GS a ficar mais próxima, neste quesito, em relação às rivais mais novas: Ducati Multistrada e KTM 1190 Adventure – ainda não presentes no país. Outras concorrentes são Triumph Tiger Explorer, Yamaha Super Ténéré, Kawasaki Versys 1000 e Honda VFR 1200X Crosstourer – todas já disponíveis no país.

Segundo a empresa, a R 1200 GS possui dois pequenos radiadores, que estão integrados às carenagens, juntando-se ao sistema que já tinha injeção eletrônica. Apesar de manter a tradicional disposição boxer – com cilindros opostos – e mesma cilindrada (1.170 cm³), o propulsor foi redesenhado. O câmbio é de seis marchas.

O visual, apesar de manter as caraterísticas tradicionais da aventureira, foi renovado por completo e trouxe modernidade ao conjunto. Mesmo assim, a “marca registrada” do modelo, o motor boxer, com seus pistões saltados lateralmente, foi mantido. As cores disponíveis no Brasil são: branco, vermelho, azul e preto. Seu farol dianteiro é novo e conta com LED e luz de circulação diurna.

Além da estética geral, o painel da R 1200 GS também foi renovado e controle de pressão dos pneus. Entre os dispositivos de série em ambas versões estão manoplas aquecidas, controle de pressão de pneus, protetores de mão, ABS, controle de tração, modos de condução, luz diurna e piloto automático.

Suspensões semiativas

O sistema de amortecimento foi recalibrado e passam a contar com sistema semiativo eletrônico – no modelo anterior a suspensão era somente eletrônica -, reservado à versão Premium. Segundo a empresa, sensores captam o tipo de terreno e modo de utilização da motocicleta e automaticamente adaptam os amortecedores para o melhor tipo de uso. A regulagem é feita por meio de válvulas controladas eletronicamente.

Seu chassi também é totalmente novo e conta com estrutura tubular de aço, que deixou o conjunto mais rígido, informa a BMW. O peso seco total da moto (com ABS) é 238 kg e a distância do solo aumentou 8 mm. A transmissão secundária continua feita por eixo cardã, transmitindo robustez, porém, ele agora está fixado do lado esquerdo da moto – antes ficava do lado direito.

Modos de condução

A nova R 1200 GS traz muita eletrônica embarcada. Além da suspensão eletrônica, tem freios ABS, controle de tração e acelerador eletrônico. O modelo tem cinco modos de condução, em ambas versões: Rain, Road, Dynamic, Enduro e Enduro Pro.

Dependendo do padrão escolhido, os sistemas eletrônicos de segurança e a injeção eletrônica funcionam com maior ou menor esportividade.

O sistema de freios, produzido pela marca Brembo, foi revisado, assim como o ABS.

 

Veja mais fotos!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s